Notícias

BBB20: ‘SITUAÇÕES DE ASSÉDIO INCOMODARAM’, DIZ ANA MADEIRA

Notícias - 12 de fevereiro de 2020

Tempo de leitura: 4min

Saiu no site O FUXICO

 

Veja publicação no site original:  BBB20: ‘SITUAÇÕES DE ASSÉDIO INCOMODARAM’, DIZ ANA MADEIRA

.

A ex-sister do BBB9 relembrou sua época de confinamento e fez um balanço da edição atual em entrevista exclusiva para OFuxico

.

Em 2020, completou 11 anos que Ana Carolina Madeira participou da edição 9 do Big Brother Brasil. Ao lado da vovó Naná, formou uma das duplas mais carismáticas do reality show exibido pela Rede Globo.

.

A ex-integrante de 36 anos, que trocou a cidade de Florianópolis por São Paulo, relembrou um dos piores momentos de sua passagem pelo programa.

.

“O falecido André Cowboy foi extremamente grosseiro comigo, com a Naná, Maira, ele ficava nos chamando de cachorra, era algo revoltante”, comentou ao OFuxico.

.

Ana Madeira e vovó Naná participando do reality em 2009 Ana Madeira e vovó Naná participando do reality em 2009Crédito: Reprodução/Instagram

.

Formada em Direito e pós-graduada em Administração, atualmente ela trabalha em uma construtora de alto padrão na função de executiva de vendas. Porém, a loira afirmou que, se tivesse uma nova chance, voltaria a integrar o elenco da atração global.

.

“Claro! Voltaria, sim. Deveria ter um programa com um representante de todas as edições. Se eu tivesse casada e com filhos, provavelmente não, mas nesse momento da minha vida eu retornaria. Estou solteira, livre e desimpedida”, justificou ela.

.

Ana que vem acompanhando a edição atual, confessou que não perde um episódio.

.

“Estou adorando, super diferente, fazia tempo que não tinha uma edição tão legal e divertida. Não assinava um Big Brother desde do meu, não saio da Globoplay (risos). Fico vendo 24h e nos intervalos, eu trabalho (risos)”, brincou.

.

E aproveitou para revelar o que mais a marcou de negativo dentro da casa mais vigiada do país.

.

“Aquelas situações de assédio me incomodaram extremamente. Não só a mim, mas como todas as mulheres do Brasil inteiro que ficaram revoltadas vendo essa situação com palavras tão grosseiras”, explicou ela, que não escondeu para quem vai a sua torcida.

.

“Estou torcendo muito pela Marcela, até debaixo de água (risos). Desde o primeiro momento que eu a vi, quando saiu a lista de participantes, já gostei dela. Dentro da casa, a forma como lida com as situações, sua postura, como se posiciona…  Somos muito parecidas”, ressaltou.

.

Marcela do BBB20Marcela do BBB20Crédito: Victor/Pollak

.

Ela disse ainda como fazia para equilibrar seu lado emocional durante sua participação.

.

“É muito difícil lidar com o lado emocional dentro da casa, pois é um turbilhão de emoções. É tudo muito intenso. As pessoas não têm noção do que é participar de um Big Brother, do que é ser amada e odiada em um mesmo dia. E, nessa oscilação toda, a gente acaba adoecendo. Eu fiquei doente algumas vezes lá dentro e prontamente fui atendida pela equipe médica. Para compensar tudo isso, eu acabava comendo bastante, voltei um pouco mais gordinha”, relembrou ela, que completou:

.

“Saímos da casa meio doidinhos, é uma mudança drástica. A gente entra na casa e ninguém te conhece, quando saímos, todos sabem da nossa vida inteira. É muito gratificante todo carinho que recebemos, mas muito difícil também”, argumentou.

.

A ex-sister em seu primeiro dia na casa no BBB9 A ex-sister em seu primeiro dia na casa no BBB9Crédito: TV Globo/Fabrício Mota

.

Ana descreveu uma curiosidade da época:

.

“Eu bati o recorde brasileiro de paredão. Toda semana estava lá, era uma situação extremamente estressante. Mas por outro lado, aliviava um pouco minha saudade, pois era um momento que via minha família, sabia que estava tudo bem com eles”, concluiu.

.

A musa ama cachorros A musa ama cachorrosCrédito: Reprodução/Instagram

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *