12750283_1733341626903378_1124121748_n

MULHERES QUE CORREM E ACONTECEM | MOVIMENTO PELA MULHER – VEJA SÃO PAULO

Mulheres que correm e acontecem

corridamulher

O esporte faz muito bem às mulheres. Conheço muitas que começaram a correr e se transformaram. O exercício, além de ajudar a manter a forma, contribui para o aumento da autoestima e da determinação. Tiro o chapéu para quem, mesmo com trabalho, filhos pequenos, casa e outras tantas coisas para gerenciar, está lá treinando, dando o melhor de si, correndo atrás de seus objetivos. Que ninguém duvide da força de uma mulher determinada!

E no mês em que se comemora o Dia Internacional delas, é importante apoiar e divulgar ações que lembrem suas lutas, como a “Corrida Movimento Pela Mulher”, no dia 20 de março. Mais do que um acontecimento esportivo e um estímulo à atividade física, a ideia do evento é provocar a reflexão em torno de temas como empoderamento, igualdade e justiça e conscientizar a sociedade e o poder público sobre o grave problema social que é a violência contra a mulher.

Idealizado pela promotora de justiça Gabriela Manssur, o movimento vem de encontro aos projetos Eles por Elas e Por um Planeta 50/50 em 2030, da ONU Mulheres. “A igualdade de gênero é uma luta de todos”, diz Gabi, que também acredita na força do esporte para mudar comportamentos e fazer um mundo melhor. “Incentivá-las a praticar atividades físicas e adotar um estilo saudável contribui muito para a prevenção e erradicação da violência. Elas adquirem saúde, força, autoestima, respeito ao próprio corpo e amor à vida.”

A  prova acontece na região do Ibirapuera, em São Paulo, com opções de corrida (5K e 10K) e caminhada (5K). Homens também são bem-vindos. O kit contém camiseta de secagem rápida laranja (cor que representa a luta da violência contra a mulher), sacola esportiva, canelito, meia personalizada e muitos mimos. Parte do valor de cada inscrição será revertida para ONGs e associações parceiras que dedicam suas atividades para o fim da violência contra a mulher e empoderamento feminino.

As inscrições podem ser feitas pelo site www.movimentopelamulher.com.br.

 

Publicação Original: http://vejasp.abril.com.br/blogs/corrida-marcos-paulo-reis/2016/03/08/mulheres-que-correm-e-acontecem/

Compartilhe nas suas redes sociais!
Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Pin on PinterestEmail this to someone

Deixe uma resposta

Seu e-mail não será divulgado.