Gabi estreia 1

SUGESTÕES DE LIVROS PARA VOCÊ ENTENDER O FEMINISMO

Cada vez mais o feminismo ganha espaço nas discussões do nosso dia a dia. E isso é muito bom! Para entender melhor o conceito, ampliar seus conhecimentos e argumentações, descobrir e saber mais a respeito de personagens femininas empoderadas que fizeram história, selecionamos alguns livros sobre o assunto. Atualize sua lista de cultura feminina e compartilhe com a gente outras sugestões.

vamos juntas

VAMOS JUNTAS (2016), DE BABI SOUZA

Jornalista, escritora e criadora do movimento Vamos Juntas, Babi criou um guia didático sobre sororidade, conceito fortemente presente no feminismo e que significa união e aliança entre mulheres, baseado na empatia e no companheirismo, em busca de alcançar objetivos em comum.

 

sejamos todas feministas

SEJAMOS TODAS FEMINISTAS (2014), DE CHIMAMANDA NGOZI ADICHIE

O que significa ser feminista no século XXI? Por que o feminismo é essencial para libertar homens e mulheres? Eis as questões discutidas nesse ensaio da premiada autora nigerana, que parte de sua experiência pessoal para refletir sobre o que ainda precisa ser feito de modo que as meninas não anulem mais sua personalidade para ser como esperam que sejam, e os meninos se sintam livres para crescer sem ter que se enquadrar nos estereótipos de masculinidade. Na obra, Chimamanda se intitula uma feminista feliz, que não odeia homens e usa batom e salto alto para si mesma – não para os outros.

 

eu sou malala

EU SOU MALALA (2013), DE CHRISTINA LAMB E MALALA YOUSAFZAI

O livro acompanha a infância da garota Malala no Paquistão, seus primeiros anos de vida escolar, sua luta pelo direito à educação, as asperezas da vida em uma região marcada pela desigualdade social, as belezas do deserto e as trevas da vida sob o Talibã. Escrito em parceria com a jornalista britânica Christina Lamb, o livro traz à luz também um debate sobre a condição feminina diante do islamismo fundamentalista manipulado pelo Talibã, como uma arma contra a liberdade humana.

 

sobrevivi posso contar maria da penha

SOBREVIVI… POSSO CONTAR (2010), DE MARIA DA PENHA

Ícone do movimento pelo fim da violência contra a mulher, a biofarmacêutica cearense Maria da Penha conta sua história de dor e coragem como forma de contribuir com transformações urgentes pelos direitos das mulheres a uma vida sem violência. A autora teve seu nome atribuído à lei 11340/06 – que criou mecanismos para coibir a violência doméstica e familiar contra a mulher.

 

memorias de uma mulher impossivel

MEMÓRIAS DE UMA MULHER IMPOSSÍVEL (1999), DE ROSE MARIE MURARO

O livro traz a história de uma testemunha dos mais importantes acontecimentos políticos, culturais e ideológicos do Brasil no século XX. Rose Marie foi eleita nove vezes a Mulher do Ano e duas vezes uma das Mulheres do Século e considerada em 2006 a Patrona do Feminismo no Brasil.

 

Por Justiça de Saia

Compartilhe nas suas redes sociais!
Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Pin on PinterestEmail this to someone

Deixe uma resposta

Seu e-mail não será divulgado.