sem título

Estudantes protestam contra educação sexista no Chile

Saiu no site EXAME:

 

Veja publicação original: Estudantes protestam contra educação sexista no Chile

.

Por AFP

.

Estudantes do Ensino Médio protestam contra educação sexista, após protestos em universitárias contra o abuso sexual e pedindo maior inclusão das mulheres

.

Centenas de estudantes do Ensino Médio protestaram nesta quarta-feira (9), no centro de Santiago, para exigir uma “educação não sexista”, em meio a uma onda de ocupações de sedes universitárias pedindo medidas contra o abuso sexual e uma maior inclusão das mulheres.

.

Convocados pela Coordenadora Nacional de Estudantes Secundários (Cones) em apoio às ocupações que se estendem por vários dias em ao menos 10 faculdades do país, os estudantes foram autorizados a marchar pela comuna de Recoleta, vizinha a Santiago.

.

Mas a direção se opôs e convocou a marcha para a Avenida Alameda. Sob um grande tecido com inscrições que exigiam “Educação sexual, pública, feminista e não sexista”, os estudantes só conseguiram avançar alguns metros antes de serem dispersados pela Polícia, que usou jatos d’água e bombas de gás lacrimogêneo.

.

Os estudantes atacaram os policiais com pedras e pedaços de pau.

.

Há três semanas começou no Chile uma série de ocupações feministas nas faculdades, entre elas a de Direito da Universidade do Chile, a mais importante do país, que permanece tomada por seus alunos desde 27 de abril.

.

“Nossas instituições não conseguiram levar a sério a violência de gênero, de abordá-la e entendê-la como um fenômeno estrutural”, disse Emilia Schneider, uma das porta-vozes da mobilização.

.

Entre as reivindicações dos estudantes está a implementação de protocolos para casos de denúncias de abuso sexual e violência de gênero junto com a introdução de matérias sobre gênero e a contratação de mais professoras.

.

.

Foto de Capa: Chile: estudantes estão ocupando universidades em Santiago desde 27 de abril (Ivan Alvarado/Reuters)

 

 

 

.

.

.

.

Compartilhe nas suas redes sociais!
Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Pin on PinterestEmail this to someone

Deixe uma resposta

Seu e-mail não será divulgado.