denuncia-de-assedio

Conheça 9 aplicativos para denunciar assédio e violência doméstica

Saiu no site ALTO ASTRAL

 

Veja publicação no site original:  Conheça 9 aplicativos para denunciar assédio e violência doméstica

.

Não deixe de pedir ajuda e de lutar pela sua própria segurança!

.

Não é de hoje que muitas mulheres passam por situações de abuso sexual e violência doméstica, tanto em espaços públicos, como até mesmo (e mais comumente) dentro de seus próprios lares. Encontrar maneiras de evitar se expor a situações de risco ou formas de denunciar estão longe de ser o ideal, já que esse tipo de comportamento é o que de fato deveria sofrer alterações. Mas, podem ser alternativas muito válidas para manter a própria segurança e ajudar outras mulheres que precisam de mais informações sobre o assunto para pedir ajuda e denunciar assédio.

.

.

9 aplicativos para denunciar assédio que você deve baixar no seu celular

.

SOS Mulher

O app foi desenvolvido pela própria Polícia Militar de São Paulo e permite que as pessoas abrangidas por medida protetiva concedida pela Justiça consigam acionar o serviço de emergência 190 se sentirem que estão em perigo.

.

.

PenhaS

Dentro da plataforma é possível encontrar informações e mapas com pontos de apoio à vítimas. O app também possui um chat para que mulheres consigam entrar em contato com outras para conversar, criando uma rede de proteção entre elas.

.

.

Salve Maria

Criado a partir de uma iniciativa do Governo do Estado do Piauí, a plataforma permite que mulheres consigam denunciar assédio de forma anônima. Chamado de “botão do pânico”, a funcionalidade é capaz de enviar um alerta para a viatura de polícia mais próxima da ocorrência. O aplicativo está disponível tanto para Android quanto para iOS.

.

.

Apoio Vítima

Criado por uma ONG portuguesa (Mulher Século XXI – Associação de Desenvolvimento e Apoio às Mulheres), dentro do app, as mulheres conseguem  realizar um questionário para identificar se estão sendo vítimas de algum tipo de violência. Além disso, também é disponibilizado um manual que ensina como agir nesse tipo de situação e endereços de centros de apoio localizados em Portugal.

.

.

Salve Maria (Uberlândia)

A plataforma é um meio para que mulheres consigam denunciar assédio e violência contra a mulher. Fora isso, assim como o app do Estado do Piauí, também conta com o “botão do pânico”, que envia sua localização para as autoridades em caso perigo.

.

.

Resultado de imagem para girl power gif

.

.

Juntas

O objetivo do aplicativo é criar uma rede de proteção para mulheres que podem se ajudar e acionar a polícia em situações de perigo. Dentro do app também é possível encontrar estudos, pesquisas e informações sobre o tema.

.

.

Mete a Colher

O app faz uma ponte entre mulheres que precisam de ajuda com outras que podem oferecer apoio voluntário. Lá você poderá encontrar três categorias de pedidos de ajuda: apoio emocional, orientação jurídica e inserção no mercado de trabalho.

.

.

Me Respeita!

Nele você pode relatar um assédio e até mesmo cadastrar um contato de emergência por precaução. Em casos de perigo, o número cadastrado será contatado quando acionado pela usuária. O aplicativo está disponível para Android.

.

.

SaiPraLá

No app é possível encontrar  mostrar para as mulheres quais são os locais onde mais ocorrem assédios, funcionando também como uma forma de pressionar os órgãos responsáveis para que atitudes sejam tomadas. O aplicativo só está disponível para iOS.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

 

Compartilhe nas suas redes sociais!
Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Pin on PinterestEmail this to someone

Deixe uma resposta

Seu e-mail não será divulgado.