trip280-colunas-guimaraes-header

AMOR NÃO É UM SENTIMENTO

Saiu no site REVISTA TRIP

 

Veja publicação original:  AMOR NÃO É UM SENTIMENTO

.

É se mover, trabalhar, criar, se expor, ir à luta e mudar a realidade

.

Por Ricardo Guimarães

.

Caro Paulo,

.

Que bom que esperei a noite do Trip Transformadores para falar de paz e amor. Parabéns a você, Califa, Ana Paula e a toda a equipe. Parabéns a todas as pessoas homenageadas. Você mandou muito bem na abertura. Fiquei muito emocionado e me recarregou as baterias de crença e esperança em nós, brasileiros. Porque para mim essa foi uma semana tumultuada pela presença e pela ausência de paz e amor. Foram manifestações fortes em direções opostas.

.

De um lado, a visão bélica do novo ministro das relações exteriores combinada à atitude arrogante do novo ministro da educação. Que vergonha. Os dois convocando guerra: um para defender Deus e Trump, e outro para defender o conservadorismo da família brasileira, que ele diz ser de verdade. Mensagens negativas, nada inspiradoras e muito desanimadoras sobre o que esperar do futuro.

.

Do outro lado, graças a Deus, o evento Inspira BB [projeto com curadoria de conteúdo e produção artística da editora Trip] no domingo e o Trip Transformadores na quinta, mostrando dezenas de exemplos eloquentes de paz e amor. No Inspira, Agnes Furey e Leonard Scovens protagonizam a história mais improvável sobre amor: ele assassinou a filha e o neto de Agnes; ela o perdoou e lhe ensinou o que é amor. Assista ao depoimento dele no magnífico trabalho do Yann Arthus-Bertrand no documentário Humano: Uma viagem pela vida, 2015 (disponível na Netflix). Veja também Agnes no vídeo do Inspira BB. Ou leia Wildflowers in the Median, de autoria de Agnes e Leonard. Fico imaginando que os novos ministros devem ter tido uma infância tão difícil como a de Leonard para terem tamanha animosidade com a vida.

.

A noite da Trip me ensinou que amor não é um sentimento. É ação, atividade, gesto, atitude, construção. Os transformadores Trip são pessoas que se movem, trabalham, criam, se expõem, vão à luta e mudam a realidade. Como disse um deles, Ricky Ribeiro, absolutamente imóvel, preso a uma cama de rodas, de onde conduz a plataforma Mobilize Brasil: “Meu corpo pode estar preso nesta cama, mas não minha alma!”. Ao fim de sua fala, a plateia que lotava o auditório do Ibirapuera se levantou emocionada, grata e encantada com o movimento liderado pelo imóvel Ricky.

.

Talvez os novos ministros devessem ouvir mais histórias sobre almas livres para terem motivação mais positiva e construtiva na orientação de suas pastas. Vão lá fazer um estágio com o Ricky. Ou com qualquer um dos homenageados, como a promotora Gabriela Manssur, que não só protege as mulheres que sofrem violência de homens como criou o projeto Tempo de Despertar para recuperar e ressocializar esses homens.

.

.

Em pauta

.

O ator Lázaro Ramos, homem que já é do bem, disse que, depois daquela noite, vai se repaginar reabastecido de atitudes, ideias e ações que o tornaram mais ambicioso para o poder que tem. Outro bom recado para os novos ministros: que saibam ser mais ambiciosos com o novo poder que acabam de ganhar. Que saibam ver acima e além das religiões, das ideologias, dos partidos e das facções e que pautem suas ações com o amor e a paz que integram opostos, que protegem a vida e a diversidade que garante a vida.

.

Querem combater o PT, o tráfico de drogas e a corrupção? Então ajudem a acabar com a pobreza e a educação sem qualidade que são os maiores aliados do PT, do tráfico e da corrupção.

.

Encarnem o espírito de luta do padre Júlio Lancellotti, a criatividade e o espírito empreendedor de Luiz Chacon Filho e Danilo Zampronio, a teimosia do Valdeci Ferreira, a dignidade da Sueli Carneiro, a ternura e compaixão da Lucinha Araújo e a generosidade do Sebastião Oliveira – diferentes formas de amor para construir a paz.

.

Quando as bancadas temáticas defenderem seus interesses e crenças que fragmentam e sangram a sociedade brasileira, mostrem uma causa maior e mais agregadora que a deles.

.

Tenham coragem de colocar paz e amor na pauta. Vocês vão contar com o apoio de muita gente, tanta gente que vai dar para eleger o próximo presidente da república.

.

.

Parabéns, Paulo.

.

Abraço do amigo orgulhoso do amigo, Ricardo.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

 

 

Compartilhe nas suas redes sociais!
Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Pin on PinterestEmail this to someone

Deixe uma resposta

Seu e-mail não será divulgado.