HOME

Home

Após 26 anos, mulheres passam a ter direito de laqueadura sem consentimento do parceiro

Saiu no Jornal de Brasília

Leia a Publicação Original

Há 26 anos, as mulheres precisavam do consentimento do parceiro do parceiro para fazer algum tipo de procedimento de esterilização voluntária, como a laqueadura. Além da burocracia que elas enfrentavam, como listas de espera e falta de atendimento, as mulheres ainda precisavam enfrentar a opinião pública. Mas, no Dia Internacional da Mulher, a Câmara dos Deputados aprovou projeto que retira essa obrigação do consentimento entre marido e mulher para realizar o procedimento. A matéria agora será votada pelo Senado.

Leia a Matéria Completa Aqui!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Compartilhe

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

HOME